postado por Cinthya Rachel às 19:27
04
jul


**
Não acho que falar de beleza, moda e cabelo é fútil. Recebo emails lindos de leitoras falando que melhoraram a autoestima, que estavam tristes mas começaram a se arrumar e a vida ficou mais bacana, que elas se sentem mais bonitas, mais felizes. O problema é só falar disso e o que vem com esse tipo de assunto.

Tô tão cansada de ver minhas colegas blogueiras que só sabem falar sobre isso, mesmo pessoalmente, de ver mil vídeos de compras toda semana, de ver como a galera gasta sem pensar, compra por comprar, e isso mesmo a gente recebendo muita coisa em casa através das assessorias. Eu detesto acúmulo. Acho um atraso de vida ficar com coisas que você não usa, só fazendo volume. E isso com roupa, sapato, produto de beleza.

Mas Cinthya, eu coleciono batons vermelhos (sapatos, esmaltes, shorts, cachecol…)! Mega ok, eu também tenho um fraco por eles, mas você precisa comprar um por semana? E aí já que tá comprando aproveita pra levar mais um item desnecessário?

Acho que ter blog sobre beleza é algo de responsabilidade, eu mesma procuro informações nos blogs das amigas quando quero um produto específico. Por isso tomo MUITO cuidado com tudo que posto aqui, esse blog é uma vitrine de coisas que testo, gosto (ou não), novidades, ele serve pra gente conversar, pra você conseguir escolher o produto certo pra você, sem precisar sair comprando tudo e gastando dinheiro.

Me dá arrepio quando vejo posts por aí dizendo: EU QUERO, EU PRECISO, VOCÊ TEM QUE TER, VOCÊ TEM QUE COMPRAR, USE, COMPRE, ADQUIRA. Eu acho é triste. Comprar é legal? Mas é lógico que é! Mas você precisa de TUDO? De todos os lançamentos? De todos os sapatos da moda? Da bolsa da cor da estação?

Fora todo o “glam” que a galera acha que rola. Outro dia falei no face que tava lavando roupa e teve gente que não acreditou. Mas assim, eu sou normal. Eu cozinho, pago conta, deixo as meias de molho. Também vou em evento rico, apareço na TV, uso produtos bons. Mas isso não me torna melhor do que ninguém. O lance é o equilíbrio. É comer felizona um PF e felizona num bistrô exclusivo. É sentir prazer nas pequenas coisas. E TUDO são pequenas coisas.

Vou continuar falando sobre beleza aqui com vocês, pois eu me divirto, a gente conversa, descobre coisas legais para os nossos cachos, compartilha uma novidade. Mas também vou manter os textos, as histórias, receitas, os livros…

Mas tô bem cansada, gente. Tô triste também vendo isso que tá rolando por aí, com a galera achando que a vida e só isso, só comprar, gastar, acumular, comprar o vigésimo sapato preto igual. Nunca esqueçam que caixão não tem gaveta, e o que a gente leva dessa vida é o bem que a gente fez e o que tem dentro da gente!

*ps: vocês são as melhores leitoras, obrigada pelo carinho de sempre <3
**depois faço um post contando com calma o significado dessa tattoo, mas pra mim ela representa a leveza, levar a vida leve, menos é mais <3