postado por Cinthya Rachel às 8:20
05
abr

Um corpo em forma, saudável, com tudo em cima é o desejado e almejado por todos, mas saibam vocês que a perfeição não é desse mundo.

Não vou entrar no mérito da saúde, mas sim na visão sensual da coisa.

Tem coisa mais sem graça que um corpo sem um grama de gordura?

Não estou falando de excessos nem de bordas sobressalentes de catupiry, mas sim daquele tico de recheio no lugar certo, naquele fofinho gostoso, bom de deitar a cabeça. Aquele recheio sapeca, bom de apertar por cima da blusa. Aquela delícia cremosa que convida a ficar um pouco mais, a se aconchegar, a se sentir em casa. Um corpo que convida e diz: você chegou em casa. Onde num abraço você encontra conforto, paz e não um monte de músculos exaustivamente desenhados.

E saibam vocês, homens, que estou falando das mulheres, vocês podem sim vir com uma barriga de tanquinho que a gente não vai reclamar, não senhor…

*quadro La Maja Desnuda de Goya




Nas categorias: mini contos